Teca Mascarenhas

“Poesia e filosofia rimam, conversam e convergem nos poemas de Teca Mascarenhas”. Luci Collin, Dra. em Letras, poeta, contista e tradutora. “Lidando primorosamente com todo seu universo, posso dizer que Teca Mascarenhas, ao reunir suas palavras de tantos e tão variados tempos, dará ao leitor um prazer reiterado a cada página.” Sandra Novaes, Dra. em História e estudiosa de Paulo Leminski. Em suas palavras, a poeta Teca Mascarenhas revela que sua poética traduz a sua vida, reflexo de todas as vidas humanas, e espelha a inquietude do existir. A poeta Teca Mascarenhas (Maria Tereza Fiuza Lima Mascarenhas Passos) é catarinense de Rio do Sul. Graduada em Filosofia, com Especializações e Mestrado na área, seguiu carreira acadêmica como Professora universitária. É membro da Academia de Letras do Brasil/SC e da Academia de Letras de Balneário Camboriú, onde reside. Escreveu os livros Meu Singular é plural e Tempo de Migração, e participou em várias coletâneas. Atualmente, dedica-se a escrever e a dirigir o Bureau d’Art que leva seu nome, no qual atua também como Revisora e orientadora de textos.

Acervo Literário

Acervo Digital

coollogo_com-1148355.png

 Editora e Livraria

Nome Fantasia: Leia Livros Editora e Livraria

Av. Cristóvão Colombo, 283/33 Floresta

90560-003 - Porto Alegre - RS

CNPJ: 29.966.131/0001-00

© 2016 - Desenvolvido por Éon Design

  • Facebook App Icon